Caspa – tratamentos, remédio e shampoo para caspa

A caspa ocorre quando há uma descamação no couro cabeludo e também é conhecida como grau leve de dermatite seborreica. Na maioria das vezes, a caspa não apresenta sintomas mais graves como coceira ou pruridos, mas o feito estético do problema incomoda muitas pessoas.

Combate à caspa faminina

Combate à caspa faminina

 

Fatores que ocasionam o aparecimento da caspa

  • Predisposição genética.
  • Cabelo oleoso: a oleosidade excessiva dos cabelos provoca a descamação da pele.
  • Bebidas alcoólicas: quem já tem predisposição para o problema não pode exagerar nas bebidas que contenham álcool, pois essa substância desequilibra as glândulas sebáceas.
  • Clima frio e banhos muito quentes: o frio também descontrola as glândulas sebáceas enquanto a água muito quente aumenta a oleosidade do couro cabeludo, possibilitando o surgimento de mais caspas. Da mesma forma, o calor do secador de cabelos, de chapinhas e babyliss também funcionam como um gatilho para a produção do problema. O ideal é diminuir o uso dessas facilidades.

Tratamento para caspa

Há vários produtos no mercado que prometem o fim definitivo das caspas. O problema é que nem sempre eles funcionam de imediato, mostrando seus resultados apenas após muitas aplicações. Em outras situações, os produtos não cumprem o prometido, levando a pessoa a trocar de produto com frequência em busca do anticaspa ideal. Outra coisa importante a se lembrar é que as fórmulas desses produtos prontos são leves e retiram apenas a caspa de nível mais leve. Em casos extremos, o ideal é utilizar um produto feito a partir de prescrição médica (manipulado).

Limpeza com Shampoo anticaspa

manter a limpeza do couro cabeludo é essencial para se manter livre da caspa, e produtos como Shampoos Anticaspa são decisivos no combate a esse problema.

Dicas importantes para evitar o surgimento da caspa

  • Evite banhos muito quentes.
  • Lave o cabelo com frequência para retirar o suor e evitar o surgimento de fungos.
  • Retire totalmente shampoos e condicionadores dos cabelos. Enxague com abundância seus fios cada vez que os lavar e evite a utilização de produtos “sem enxágue”.

Mitos e verdades sobre a caspa

  • Caspa não é contagiosa.
  • A caspa pode atingir pessoas jovens e pessoas mais idosas. Não há relação do problema com a idade da pessoa.
  • Apesar do cabelo oleoso tem maior propensão à caspa, todos os tipos de fios podem desenvolver o problema e precisam ser igualmente tratados.
  • A caspa não é responsável pela calvície. O problema pode até gerar um pouco mais de queda de cabelo, mas nem por isso a calvície será instaurada. Outros fatores precisam estar em comunhão com a caspa e seborreia para que haja calvície.

Se o problema da caspa estiver trazendo problemas maiores, é importante procurar um dermatologista para que este profissional possa receitar um produto mais agressivo e indicado para o tratamento mais pesado da caspa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *